Política de privacidade


A  sua privacidade é importante para nós!

Esta Política de Privacidade descreve quem somos, para que finalidades podemos usar os seus dados, como os tratamos, com quem os partilhamos, durante quanto tempo os conservamos, bem como os seus direitos e as formas de entrar em contacto connosco e de os exercer.

Tenha em consideração que esta Política de Privacidade poderá ser atualizada, pelo que solicitamos-lhe que a reveja periodicamente.

Quem somos:

Os seus dados são tratados pela  WINSURANCE, LDA,  pessoa coletiva nº 505373645 e Inscrita na Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões (ASF) – com o nº 407177123, Cat. Agente de Seguros Vida e Não Vida, verificável em www.asf.com.pt.

Definições:

  • São “Dados pessoais” toda a  informação relativa a uma pessoa singular (o “titular dos dados”) identificada ou identificável direta ou indiretamente, em especial por referência a um identificador, como por exemplo: nome, número de identificação, dados de localização, identificadores por via eletrónica, ou um ou mais elementos específicos da identidade física, fisiológica, genética, mental, económica, cultural ou social dessa pessoa singular;
  • É “Tratamento de dados pessoais”, uma operação ou um conjunto de operações efetuadas sobre dados pessoais ou sobre conjuntos de dados pessoais, por meios automatizados ou não automatizados, tais como a recolha, o registo, a organização, a estruturação, a conservação, a adaptação ou alteração, a recuperação, a consulta, a utilização, a divulgação por transmissão, difusão ou qualquer outra forma de disponibilização, a comparação ou interconexão, a limitação, o apagamento ou a destruição;
  • Titulares dos dados pessoais:
    • “Tomador” do contrato de seguro, é a pessoa que celebra o contrato de seguro, sendo responsável pelo pagamento do respetivo prémio de seguro;
    • “Segurado” do contrato de seguro, é a pessoa ou entidade no interesse da qual é feito o contrato de seguro ou pessoa cuja vida, saúde ou integridade física se segura (pessoa segura);
    • “Pessoa segura” do contrato de seguro, é a pessoa cuja vida, saúde ou integridade física se segura. É sobre quem recai o risco segurado;
  • “Risco”, é a Incerteza associada a um acontecimento futuro, seja quanto à sua realização, ao momento em que ocorre ou aos danos dele decorrentes, suscetível de afetar o património do segurado ou a integridade física das pessoas seguras;
  • “Segurador/Seguradora”, é a entidade legalmente autorizada a exercer a atividade seguradora e que é parte no contrato de seguro e por definição o Destinatário dos dados;
  • “Mediador de seguros WINSURANCE”: entidade independente cuja atividade consiste em: apresentar ou propor um contrato de seguro ou praticar outro ato que prepare a sua celebração; celebrar o contrato (quando o mediador tenha poderes para o efeito); apoiar a gestão e execução do contrato, em especial em caso de sinistro;
  • “Contrato de seguro”: contrato através do qual o segurador assume a cobertura de determinados riscos, comprometendo-se a satisfazer as indemnizações ou a pagar o capital seguro em caso de ocorrência do sinistro, nos termos acordados. Em contrapartida, o tomador do seguro obriga-se a pagar o prémio correspondente
  • “Apólice de seguro”: documento que contém as condições do contrato de seguro acordadas pelas partes e que incluem as condições gerais, especiais e particulares.

Princípios relativos ao tratamento de dados pessoais:

  • Finalidade: tratamos os dados pessoais por forma a podermos informar, assistir, assessorar e contactar o titular desses dados pessoais, no âmbito da sua proteção face aos riscos atuais e/ou futuros a que esteja ou venha a estar exposto no domínio da sua vida privada individual ou familiar, e que por norma se traduzem na apresentação e entrega da cotação/simulação de seguro e/ou da apólice de seguro, mas também no acompanhamento a sinistros, cobranças ou meramente processual;
  • Conservamos os dados pelo período e por forma a dar-lhes a Finalidade descrita;
  • Tratamos os dados adotando as medidas técnicas ou organizativas adequadas que garantam a sua segurança, incluindo a proteção contra o seu tratamento não autorizado ou ilícito e contra a sua perda, destruição ou danificação acidental.

Licitude do tratamento:

  • Solicitamos o Consentimento da recolha dos dados pessoais para o tratamento dos mesmos para as finalidades específicas (acima caracterizadas) e que concretizadas se consubstanciam em contrato de seguro;
  • O titular dos dados tem o direito de retirar o seu consentimento a qualquer momento, e tal não compromete a licitude do tratamento efetuado com base no consentimento previamente dado;
  • A retirada do consentimento pode ser efetuado enviando email para “seguros@winsurance.pt” a manifestar essa intenção;
  • Os Destinatários dos dados pessoais (partilha dos dados) são Seguradores, por norma nacionais, mas para cobertura de alguns riscos específicos esses Seguradores poderão ser internacionais.

Principais Direitos do titular dos dados:

  • Direito de acesso aos dados recolhidos: direito a obter a confirmação de que os dados que lhe digam respeito são ou não objeto de tratamento e, se for o caso, de aceder aos seus dados pessoais e aceder às informações previstas na lei. Para fornecer outras cópias solicitadas pelo titular dos dados, o responsável pelo tratamento pode exigir o pagamento de uma taxa razoável tendo em conta os custos administrativos. Se o titular dos dados apresentar o pedido por meios eletrónicos, e salvo pedido em contrário do titular dos dados, a informação é fornecida num formato eletrónico de uso corrente;
  • Direito de retificação: direito de obter, sem demora injustificada, do responsável pelo tratamento a retificação dos dados pessoais inexatos que lhe digam respeito. Tendo em conta as finalidades do tratamento, o titular dos dados tem direito a que os seus dados pessoais incompletos sejam completados, incluindo por meio de uma declaração adicional;
  • Direito ao apagamento dos dados («direito a ser esquecido»): direito de obter do responsável pelo tratamento o apagamento dos seus dados pessoais, sem demora injustificada, e este tem a obrigação de apagar os dados pessoais, sem demora injustificada, quando se aplique um dos seguintes motivos:
    a) Os dados pessoais deixaram de ser necessários para a finalidade que motivou a sua recolha ou tratamento;
    b) O titular retira o consentimento em que se baseia o tratamento dos dados;
    c) O titular opõe-se ao tratamento, não existem interesses legítimos prevalecentes que justifiquem o tratamento, ou o titular opõe-se ao tratamento;
    d) Os dados pessoais serem tratados ilicitamente;
    e) Os dados pessoais terem de ser apagados para o cumprimento de uma obrigação jurídica decorrente do direito da União ou de um Estado-Membro a que o responsável pelo tratamento esteja sujeito;
  • Direito à limitação do tratamento: direito de solicitar a limitação do tratamento dos seus dados se se aplicar, designadamente, uma das seguintes situações: a) Contestar a exatidão dos dados pessoais, durante um período que nos permita verificar a sua exatidão; b) O tratamento de dados for lícito e o titular dos dados se opuser ao apagamento dos dados pessoais e solicitar, em contrapartida, a limitação da sua utilização; c) já não precisarmos dos dados pessoais para fins de tratamento, mas esses dados são requeridos pelo titular para efeitos de declaração, exercício ou defesa de um direito num processo judicial; d) Se tiver oposto ao tratamento, até se verificar que os motivos legítimos do responsável pelo tratamento prevalecem sobre os do titular dos dados.;
  • Direito de portabilidade dos dados: direito de receber os dados pessoais que lhe digam respeito e que tenha fornecido, num formato estruturado, de uso corrente e de leitura automática, e o direito de transmitir esses dados a outro responsável pelo tratamento sem que o responsável a quem os dados pessoais foram fornecidos o possa impedir;
  • Direito de oposição: direito de se opor a qualquer momento, por motivos relacionados com a sua situação particular, ao tratamento dos dados pessoais que lhe digam respeito;
  • Direito de apresentar reclamação a uma autoridade de controlo: direito de apresentar uma reclamação à Comissão Nacional de Proteção de Dados – https://www.cnpd.pt/.

Segurança e Confidencialidade:

  • A segurança de toda a informação em nosso poder, nomeadamente dos dados pessoais, é importante para nós e temos implementadas medidas de segurança apropriadas para assegurar a proteção dos dados pessoais e impedir o acesso a pessoas não autorizadas. Os nossos sistemas e políticas de segurança são sujeitos a análises periódicas de forma a garantir que os dados estão seguros e protegidos. No entanto, temos presente a transmissão de informação através de Internet não é completamente segura, e não podemos garantir absolutamente a segurança da informação transmitida através do nosso sítio.
  • A confidencialidade dos dados pessoais merece-nos todo o respeito e assumimos desde sempre o compromisso de nunca os disponibilizar a terceiros que não os inerentes à Finalidade para a qual são tratados.

Tem alguma dúvida?

Se permanecer com alguma dúvida relativamente ao tratamento dos seus dados pessoais, ou pretender exercer algum dos seus direitos, por favor contacte-nos através do email “seguros@winsurance.pt”, mencionando o seu nome completo e o número de contribuinte para inequívoca e facilmente o identificarmos.

Winsurance Lda - 2017